Bem Vindo a Página do Banrisul Formulário para acesso direto a conta

Página Inicial »

Notícias Lista Completa Icone: Imprimir Notícias
11º FÓRUM DE TI BANRISUL: Nova tecnologia disruptiva é apresentada no evento 24.05.2018 11º FÓRUM DE TI BANRISUL: Nova tecnologia disruptiva é apresentada no evento

O segundo e último dia do 11º Fórum Internacional de TI Banrisul, que tem como tema central A Era da Inovação Disruptiva, trouxe uma grande novidade para o mercado bancário: a transferência de recursos entre clientes de cinco bancos (Banrisul, Banco do Brasil, Caixa Federal, SICOOB e Santander), nas 24 horas do dia e nos sete dias da semana. O novo serviço para os correntistas, com base em blockchain, foi apresentado no painel Sistema Financeiro Digital – Tendência ou Realidade? .

O painel foi apresentado em conjunto pelo gerente executivo da Unidade de Transformação Digital do Banrisul, Ranieri Fernandes; pelo gerente de Arquitetura Corporativa do SICOOB, Márcio Rodrigues; pelo gerente da Divisão de Engenharia de Software do Banco do Brasil, Bruno Schmidt; e pelo gerente executivo de Arquitetura de TI da Caixa Econômica Federal, Paulo da Costa. Os participantes apresentaram o projeto denominado Sistema Financeiro Digital.

O moderador do painel, Julio Brunet, diretor do Banrisul, disse que o projeto é resultado do trabalho colaborativo dentro do sistema empresarial mais competitivo do Brasil, que é o sistema financeiro, para a criação de um ecossistema digital onde todos poderão desenvolver suas aplicações. “Eu tenho muito orgulho que o Banrisul, junto com os demais bancos parceiros, esteja a escrever as linhas de código do que pode vir a ser um padrão para as transações financeiras ou não no País. Hoje, estamos fazendo história aqui”, frisou ele.

Ranieri Fernandes apresentou a evolução da internet e as tecnologias digitais e explicou a definição de blockchain. “O Sistema Financeiro Digital é um experimento das áreas de tecnologia da informação das instituições financeiras participantes do projeto, com o objetivo exclusivo de explorar as potencialidades e benefícios da tecnologia blockchain”, ressaltou.

Márcio Rodrigues mostrou como funciona, atualmente, o Sistema de Pagamento Brasileiro. “É muito improvável que essa estrutura pare, mas se parasse teríamos um caos no sistema financeiro brasileiro. Por isso, é necessário pensar em novos modelos”, afirmou. Ele declarou que, com essa tecnologia se firmando, acredita-se que todos os produtos bancários podem ser revisitados e remodelados. “A adesão das instituições financeiras, assim como dos clientes, é espontânea”.

Rodrigues anunciou que essa é a primeira rede permissionada de blockchain em instituições financeiras do Brasil, e a única de que se tem conhecimento.

Paulo da Costa destacou que essa tecnologia é realmente disruptiva. “Mudamos a nossa forma de trabalhar, criando um ambiente para desenvolver e estruturar essa aplicação”. Ele salientou que “temos um grande desafio que é cultural. As pessoas ainda não conseguem pensar em um modelo sem intermediários, mas essa tecnologia oferece novas possibilidades”.

Bruno Schmidt explicou a estruturação do projeto. “O Banco do Brasil criou um laboratório para estruturar este projeto e os bancos disponibilizaram funcionários para trabalhar em conjunto”.
Ao final da apresentação, os painelistas realizaram um teste ao vivo da aplicação.

AS EMPRESAS DE MERCADO E A TRANSFORMAÇÃO NA TI

O painel As Empresas de Mercado e a Transformação na TI discorreu sobre o tema do impacto das transformações tecnológicas no mercado sob a ótica das empresas. Os painelistas mostraram a importância das parcerias e conexões entre os negócios para a entrega de aplicativos e soluções relevantes para a experiência do usuário.

Ricardo Barbosa, vice-presidente na América Latina de Estratégia Digital da IBM, enfatizou a importância de se conhecer o road map dos indivíduos, ou seja, o caminho que fazem durante o dia, para poder participar desta jornada de modo invisível, útil e conveniente. “Nesse sentido, é necessário trabalhar bem o pilar da experiência, segmentando as pessoas pelo comportamento e ajustando as soluções de produtos e serviços à jornada do cliente”.

Ele citou o case do lançamento do Virtus, o carro conectado da Volkswagen para a América Latina. Por meio de uma parceria com a IBM, a equipe de desenvolvimento da Volkswagen lançou o carro em apenas sete meses. Destaque para o Manual Cognitivo, um aplicativo que ajuda o motorista a resolver questões de manutenção do carro por meio de interações de voz ou até mesmo pelo registro de uma imagem. Ao fotografar uma luz que acende no painel, por exemplo, o aplicativo mostra as possíveis causas e propõe uma visita à concessionária mais próxima.

Outro exemplo do uso compartilhado de informações foi citado por Nayam Hanashiro, head of Partner Management for Brazil da empresa R3. De acordo com o painelista, algumas etapas de cadastro, como envio de comprovantes de residência e de renda poderiam ser compartilhadas entre as empresas, melhorando exponencialmente a experiência de uma transação. “Ao financiar um carro, por exemplo, não seria necessário passar novamente pelo processo de atualização cadastral. Ou seja, o usuário pode permitir que este cadastro seja usado em outras transações. Quanto mais estes dados convergirem entre a rede de empresas, melhor será a experiência do usuário”, explicou.

OPEN BANKING E BLOCKCHAIN

No painel Open Banking e Blockchain – Uma Visão Internacional, os participantes do Fórum tiveram a oportunidade de conhecerem como outros países e regiões do mundo veem a aplicação do blockchain e do open banking, e o potencial de transformar os nossos hábitos de uso e a movimentação do dinheiro.

Estiveram presentes como painelistas, Sebastien Taveau, chief Technologist da empresa Early Warning; Melanie Swan, fundadora do Institute for Blockchain Studies; e Jason Malo, sênior executive Advisor da empresa Gartner; todos dos Estados Unidos; e como moderador o diretor de TI do Banrisul, Jorge Krug.

THE FUTURE OF BUSINESS IN THE DIGITAL ERA

O futuro do mercado na era digital foi o tema deste painel, que trouxe ao Fórum o consultor executivo da IBM, Robert Brinkman, dos Estados Unidos. O executivo, atualmente, lidera a implantação do serviço IBM Blockchain para empresas em nuvem e trabalha com a equipe de inovação. O moderador foi o diretor de Sistemas de Tecnologia na IBM, Fábio Marras.

O painel de encerramento do 11º Fórum Internacional de TI Banrisul contou com a presença de Átila Iamarino, youtuber do canal Nerdologia, que abordou, de uma forma descontraída e bem-humorada, as tecnologias e os impactos dessa inovação disruptiva em que vivemos.

Legenda da foto: Painel 'As Empresas de Mercado e a Transformação na TI'
Crédito da foto: David Pires

 

Data inicial:
Data final:
[nwbw] 1995 ~ 2018 © Banrisul S.A.. Todos Direitos reservados. Navegação rápida Página Inicial | Mapa do site | Política de Segurança